Buscar
  • Ilma Silva

O poder da decisão


Se recuse a aceitar aquilo que for menos que o melhor


O melhor dia de decidir sobre sua vida é hoje. O amanhã é incerto demais para confiar nele. E o ontem você já sabe, já se foi. Não podemos sob nenhuma hipótese modificá-lo, a menos que você possua a máquina do tempo. Ter claro na mente que o poder da decisão está em suas mãos te levará a outros patamares.

Não é fácil tomar decisão. Exige muito de nós. E muitas vezes o medo de fazermos uma escolha errada nos faz relutar e procrastinar.

É nesse processo que encontramos milhões de pessoas. Amedrontadas, limitadas, incapazes de decidir sobre sua vida. O motivo? Quase sempre os mesmos: ou tomaram decisões erradas no passado e agora temem pelos resultados de suas escolhas. Ou, simplesmente não foram treinadas a decidir por si mesmo.


Mas e agora como fazer a melhor escolha?


A primeira coisa que você deve saber é que não existe uma fórmula mágica. Algumas decisões vão exigir mais de você do que outras. A melhor escolha com certeza será aquela que está alinhado a seus objetivos de vida.

Segundo Napoleão Hill, um estudo realizado com mais de 100 pessoas que atingiram a marca de um milhão de dólares, apontou que eles tinham a característica de tomar decisão prontamente. Já as que mais fracassavam, tinham em comum o hábito de procrastinar, não desenvolveram a habilidade de decidir rapidamente, além de mudarem de ideia muito rápido.

É preciso ter consciência que você vai acertar em algumas decisões e errar em outras. A sabedoria consiste em saber tirar alguma lição quando você falhar. Porquê ficar pelos cantos se lamentando não vai te levar a lugar algum.


Você está disposto a assumir riscos?


Tomar decisão está intrinsecamente ligado a assumir riscos. Mas só é possível conhecermos o resultado quando nos permitimos nos lançar no desconhecido. Todos querem somente vitória e sucesso. Mas muitas vezes teremos também que enfrentar derrotas e fracassos.

Não existe nenhum ser humano, que eu conheço, que tenha obtido sucesso na vida sem que tenha experimentado a dor do fracasso. Veja os exemplos de Henry Ford, Carlos Drumond de Andrade, Thomas Edison, e tantos outros. O que esses nomes tem em comum: todos falharam antes de acertar.

Toda decisão tem origem no processo mental. Converse consigo mesmo. Coloque sua mente para raciocinar: se eu fizer isso e der errado o que eu faço, mas se eu fizer e der certo qual o próximo passo? O que fizeram as pessoas que tinha o problema semelhante ao meu para dar a volta por cima?


Nunca tome decisão pelo mero impulso


É preciso analisar, verificar, conectar as ideias. Quando tudo tiver claro em sua mente se pergunte se é isso que você quer e porque isso te faz feliz.

A vida é curta demais. Não se permita dedicar anos de sua vida com algo que você não goste. Tenha convicção do que você quer e sempre acredite em você, que você é capaz. Lembre-se, onde tem vontade tem um caminho.

Posts recentes

Ver tudo